Home > Dicas de viagem > Qual é a melhor época para viajar? Vejas as nossas dicas!

Qual é a melhor época para viajar? Vejas as nossas dicas!

A resposta a essa pergunta é: depende. Vamos ajudar você a descobrir qual a melhor época para viajar levando em conta o seu perfil, considerando a sua disponibilidade, o seu orçamento, o seu estilo e, sobretudo, o seu sonho! Em outras palavras: tipos de turismo, alta ou baixa temporada, estação do ano e orçamento.

Para começarmos, o mais importante é acreditar que vai dar certo e que é possível viajar para o seu destino dos sonhos. A etapa de planejamento e escolha do destino é muito gostosa, pois é quando você começa a ter aquele contato mais a fundo com as características específicas de cada lugar.

De fato, a ciência explica que a antecipação por recompensas (no caso, planejar uma viagem) ativa áreas no cérebro responsáveis pelas sensações de prazer. Então aproveite este momento para se deliciar planejando a sua próxima trip!

Tipos de turismo

Na definição da melhor época para viajar, o tipo de turismo que você quer fazer é determinante. Talvez até mais importante que o destino. Isso porque certas atividades dependem diretamente do seu orçamento, do clima e da época (muitos lugares fecham durante a baixa temporada).

Sendo assim, o primeiro passo para responder à pergunta central deste post é: o que você quer fazer na sua viagem? Ecoturismo? Praia? Museus? Compras? Monumentos históricos? Esportes radicais? Eventos?

O modo mais claro de visualizar a importância de definir o que você quer fazer antes mesmo de onde você quer ir é pensar em eventos ou atividades específicas.

Suponhamos que você queira ir à celebração do St. Patrick’s Day em Dublin. Não tem erro, ela acontece em março, com pequenas variações dos dias a cada ano (tipo o Carnaval). Desse modo, resta comprar sua passagem para Irlanda na época da festa.

As pesquisas que você realizará serão para dar conforto, segurança e tranquilidade para a sua viagem, não para decidir se é a melhor época do ano para viajar.

Mas se o seu desejo, por exemplo, for esquiar, logo o seu destino deve ter uma montanha coberta de neve. Aí sim começa uma jornada para pesquisar as variáveis de clima, época do ano, temporada, preços, etc. Este é um tipo diferente de pesquisa e planejamento (também muito gostoso de se fazer!), pois definirá quando e aonde você vai

Viajar em alta ou baixa temporada

Exemplos de alta temporada no Brasil são os feriadões, como o Carnaval, que atrai os viajantes para destinos que incluem tanto as festas de rua lotadas de gente quanto as trilhas no meio do mato. Seja nas ruas de Salvador (BA), seja pelos rios de Bonito (MS), o movimento será maior que o usual.

Mas nem só feriados aumentam a demanda por um destino. Características específicas do local em determinada época também influenciam. Por exemplo, se o seu sonho é passar o inverno em Nova York, para pegar na neve, patinar no gelo e ver árvores de Natal monumentais, você viajará na alta temporada. Praia no Nordeste no verão é outra época mais movimentada que a média.

Nas altas temporadas, há mais movimento e os preços sobem um pouco em relação a outras épocas do ano. O lado bom é que esses períodos são os que se encaixam na agenda com mais facilidade e costumam ser a época ideal para curtir o que o lugar tem de melhor a oferecer.

Outro aspecto positivo é quando se viaja em alta temporada, dificilmente o clima vai ser problema. Isso porque ele já é conhecido e previsível. Tal segurança é justamente um dos fatores que aumenta a demanda pelo destino. Aí cabe somente adequar o tipo de clima ao seu gosto, assunto que abordaremos mais à frente.

Dependendo do seu calendário, também é possível viajar em baixa temporada e ainda assim aproveitar bem o seu destino – até porque o movimento e os preços caem. A dica, nesse caso, é conferir o funcionamento das atrações (para não as encontrar fechadas) e checar o clima para saber o que esperar.

Estação do ano (clima)

Existem gostos para tudo – e destinos para todos os gostos! Frio ou calor; praia ou neve; chuva ou sol. O que você prefere? A estação do ano é um dos fatores que determinam a melhor época para viajar.

O primeiro ponto a se lembrar, mesmo parecendo óbvio, é que as estações do ano em outros países nem sempre coincidem com as do Brasil. Então, lembre-se que em enquanto aqui é verão, em outro continente é inverno, etc.

Sabendo disso, vale considerar pelo menos dois parâmetros bem pessoais: se você quer curtir uma estação em especial ou simplesmente quer fugir de temperaturas extremas, especialmente na baixa temporada daquele local.

Na prática é o seguinte: você pode procurar neve no Chile no inverno (julho a setembro) para esquiar, ou visitar a Tailândia no inverno (dezembro a março) só para fugir das chuvas, porque nessa época continua calor (entre 25 e 30 °C). Viu a diferença entre os critérios para escolher a melhor época para a sua viagem?

Fique de olho nas estações

As estações do ano também influenciam diretamente algumas atrações turísticas. É o caso das cataratas em Foz do Iguaçu (PR), que ficam mais cheias na primavera (setembro a dezembro) graças às chuvas – até elas têm seu lado positivo (em Londres, a chuva é marca registrada!). Já em Amsterdam, a primavera (março a maio) deixa a visita mais bela, já que o parque de tulipas Keukenhof só abre nessa época.

Verão no Brasil é impossível não pensar em calor e praias, então vamos nos render a Natal (RN), Salvador (BA), Região dos Lagos (RJ) e tantas outras cidades que embelezam a costa brasileira. Em ritmo semelhante, uma alternativa é o verão africano, nas praias de Cape Town, na África do Sul (janeiro a abril).

O outono no Brasil (março a junho) tem opções com tempo seco e temperaturas amenas, como Ouro Preto (MG), São Paulo (SP) e até Florianópolis (SC), para encontrar as praias mais vazias e o sol menos intenso. Pelo mundo afora, o outono em Paris (setembro a dezembro) é de baixa temporada e com poucas chuvas.

Esses são só exemplos para você ver a influência do clima sobre os locais turísticos. Seja qual for a estação do ano no seu destino, fica uma dica de ouro: dias antes de embarcar, olhe no Google a previsão do tempo para saber com mais precisão que tipos de roupa levar na mala!

Gastos na viagem

Sua intenção é evitar taxas de câmbio e desvalorização do real lá fora? O melhor é procurar destinos nacionais. Nós até já publicamos dicas e roteiros para alguns locais, como Jericoacoara (CE) e Belo Horizonte (MG).

Se a ideia for fazer cada real valer mais do que a moeda local, a lista também é grande e inclui Rússia, Índia, Laos, Uruguai, entre outros.

Agora, se você quer economizar, independentemente da moeda e do país, a dica é planejar sua viagem com antecedência para descobrir pontos turísticos gratuitos, como parques e monumentos. Conforme o roteiro, ir em época de baixa temporada pode ser uma ótima ideia.

Para comer, busque redes de fast-food, que costumam oferecer preços menores em relação a restaurantes. Já para se hospedar, vale consultar hostels ou promoções de hotéis no Booking.com. Até publicamos um post explicando como funciona e se o site é confiável.

Ainda no quesito economia, você pode economizar antes do embarque ao comprar sua passagem aérea com desconto. Todos os dias, compartilhamos promoções para o mundo todo! É só ficar de olho!

Oportunidades de economia valem a pena em todos os momentos, porque mesmo que você esteja viajando com a intenção de gastar muito, cada quantia economizada em algo que não importante tanto para você, poderá se reverter em uma compra/serviço que realmente te satisfaça! Sobrem isso, veja regras e dicas para levar dinheiro em espécie para o exterior.

Você é quem define a melhor época para viajar!

Neste post, você viu que a base para escolher a melhor época para viajar é o seu desejo. A partir dele é que as demais variáveis influenciam.

As temporadas alteram o preço e a disponibilidade das atrações. Já a estação do ano pode tanto só dar mais conforto quanto determinar a toda a viagem. Por sua vez, o orçamento pode direcionar suas escolhas, mas nunca impedir a realização do seu sonho!