Home > Dicas de viagem > O que fazer em Montreal: 13 dicas de pontos turísticos

O que fazer em Montreal: 13 dicas de pontos turísticos

Há muito o que fazer em Montreal! Por isso, listamos 13 pontos turísticos para você conhecer nessa cidade, assim como dicas práticas para curti-los ao máximo. São atrações pagas e gratuitas, de diferentes estilos. Dessa forma, certamente você encontrará as opções certas para montar o seu roteiro!

#DicaPI: siga estas dicas práticas de Montreal sobre hospedagem, idioma, moeda, transporte e mais!

O que fazer em Montreal: dicas de pontos turísticos

Marché Jean-Talon

mercado jean-talon

Variedade de alimentos no mercado Jean-Talon | Foto: Passagens Imperdíveis

É aqui que muitos restaurantes compram as frutas, verduras e legumes usados nas refeições. Por isso, o Marché Jean-Talon se tornou um dos mais conhecidos e importantes mercados da América do Norte.

Caminhando por seus corredores, a variedade de cores, cheiros e sabores dos alimentos fresquinhos dá água na boca. A oferta de produtos orgânicos lembra o Whole Foods Market, um dos mercados gastronômicos que visitamos em Nova York.

No Marché Jean-Talon há 2 partes: aberta e coberta. Na primeira, encontramos frutas, verduras e flores. Já na outra, nos deparamos com restaurantes. Para explorar todas as opções, pesquise no site oficial do mercado.

Funcionamento: segunda a quarta e sábado, das 7h às 18h; quinta e sexta, das 7h às 20h; domingo, das 7h às 17h.

Chinatown

chinatown montreal

Arquitetura chinesa em Montreal | Foto: Passagens Imperdíveis

Experenciar a cultura asiática também é uma das opções de o que fazer em Montreal. Isso porque a Chinatown reúne restaurantes, padarias e lojas chinesas e vietnamitas, o que confere um ambiente único na cidade.

Comemos um bolinho incrível na Pâtisserie Harmonie, um dos locais indicados neste post com 18 restaurantes em Montreal.

Place D’Armes

praça de armas canadá

Edifícios históricos cercam a Place d’Ames em Montreal | Foto: Passagens Imperdíveis

A Praça das Armas de Montreal reúne pelo menos 3 pontos importantes para a cidade: a escultura de Paul Chomedey, fundador da cidade; a Catedral de Notre-Dame; e o Banco de Montreal. Portanto, boa pedida para seu roteiro.

Outra razão para visitá-la é que bandas locais se apresentam gratuitamente em julho, agosto e setembro, ou seja, no verão. É música boa e animação nos dias de sol!

#PIInforma: os valores divulgados, bem como a cotação da moeda, correspondem à época em que viajamos (agosto de 2017) e servem apenas como referência para ajudar no seu planejamento. O valor do dólar canadense era: C$ 1 = R$ 2,50. Quando for viajar, confira o câmbio então vigente.

Basílica de Notre-Dame

basilica notre dame canadá

Vista interna da Basílica de Notre-Dame | Foto: Passagens Imperdíveis

A Basílica de Notre-Dame foi construída no estilo neogótico e é uma das joias religiosas da cidade. Além de lindo, o lugar tem uma energia surreal.

No entanto, só é possível comprar os ingressos no próprio local, pagando com dinheiro em espécie. Isso significa que não existe venda antecipada on-line. Mas tal questão não chega a ser problema, já que a fila é pequena e rápida.

Estes são os preços para entrar na catedral:

  • Grand Tour (acesso ao 2º andar e parte da cripta): C$ 15 (R$37,50)
  • Tour guiado ou sem guia: C$ 8 (R$ 20)

Funcionamento: visitação de segunda a sexta, das 8h às 16h30; sábado, das 8h às 16h; domingo, das 12h30 às 16h.

#DicaPI: a Catedral de Notre-Dame também é um dos principais pontos turísticos de Paris. Que tal conhecê-la em sua próxima viagem?

Place Jacques-Cartier

place jacques carties montreal canadá

Praça ideal para descansar um pouco | Foto: Passagens Imperdíveis

A 10 minutos a pé da Basílica de Notre-Dame, está a Place Jacques-Cartier. Nessa praça, está o monumento mais antigo de Montreal: a Coluna de Nelson, de 1809, ou seja, mais de 200 anos.

É uma praça sazonal, que fica muito movimentada no verão. Assim, artistas de rua, visitantes e moradores lotam os cafés, restaurantes e arredores do local.

#DicaPI: use o Google Maps para montar seu itinerário de o que fazer em Montreal. Assim, coordenará as rotas a pé, de metrô e ônibus, para ganhar o máximo de tempo!

Bonsecours Market

O Bonsecours Market já foi mercado público, sede provisória da Assembleia Legislativa e até prefeitura! Hoje, é um excelente lugar para comprar souvenires, além de ter outras lojas e cafés charmosos.

Bonsecours Market: aberto diariamente, das 10h às 18h.

Old Port of Montreal

A região do antigo porto da cidade – Old Port of Montreal – tem diversas atrações, bares e restaurantes. Entre elas, há o Science Centre e um parque com diversos brinquedos, incluindo tirolesa e roda gigante. E conforme a temporada, se realizam shows e eventos na área. Por isso, repleto de opções de o que fazer em Montreal!

Montreal Science Centre

O Science Centre oferece exposições temporárias e permanentes, promove oficinas interativas, sessões de cinema, entre outras atividades educativas. A programação agrada adultos e crianças, por isso, é recomendada se você estiver viajando com crianças.

À venda on-line e presencialmente, os ingressos de adulto custam a partir de C$ 12 (R$ 30). Consulte o site oficial para conferir todos os preços.

Playground

Na mesma região, o Playground oferece brinquedos pagos e gratuitos para a criançada. Mas mesmo quem não quiser brincar, pode curtir o clima da região, respirar um pouco e ver o tempo passar sem pressa.

Terrasse Sur L’Auberge

Com o calor, ou seja, de junho a agosto, diversos terraços de Montreal abrem para visitação. Um deles é o Terrasse Sur L’Auberge, próximo ao Old Port. Nesse rooftop, a graça é comer e beber enquanto aprecia a vista de cima.

Há mesas de frente para Old Port ou no lado contrário, que tem a vista da cidade (para St. Paul Street), com construções antigas. Se visitar durante o dia, cuidado com o sol, porque durante o verão ele pega pesado.

Funcionamento: só durante o verão, então confira a página oficial para checar a abertura da temporada.

#DicaPI: outra maneira de tomar bons drinks e beliscar deliciosos petiscos enquanto vê a cidade do alto é curtir os rooftops de Nova York!

Plateau Mont-Royal

O Plateau Mont-Royal é um dos bairros mais bonitos de Montreal. O atrativo da região são as casas, que, além de bonitas, são super diferentes. Então, caminhe tranquilamente pelas ruas e aproveite a vista!

Como o bairro é cheio de murais grafitados, é uma ótima sugestão para os fãs de arte de rua. Se é o seu caso, adicione já essa região à sua lista de o que fazer em Montreal!

Para completar, há inúmeras opções de restaurantes e cafeterias. Resumindo: Plateau Mont-Royal é o paraíso dos turistas que querem descobrir locais diferenciados.

Le Mont-Royal

mirante parque mont-royal montreal

Vista do parque Mont-Royal | Foto: Passagens Imperdíveis

O Le Mont-Royal é uma enorme área verde que abrange o Parque de Monte Royal. As atrações ali variam conforme a estação do ano, portanto, a dica é conferir a agenda de atividades no site.

Nossa escolha foi o Mount Royal Chalet, cuja entrada é gratuita. Inaugurado em 1932, o chalé reúne grandes obras que retratam momentos marcantes de Montreal. É como um museu, com ambiente bem rústico e uma vista incrível da cidade. Para chegar lá, caminhamos do estacionamento do Mont-Royal por uns 500 metros.

 

Outras atrações do Mont-Royal

Definitivamente, esse parque reúne muito o que fazer em Montreal. Tanto que nem consigamos visitar todas as atrações. Contudo, listamos para você avaliar aquelas que mais te chamam a atenção.

  • Beaver Lake: lago artificial
  • Smith House: casinha construída em 1858
  • Kondiaronk Belvedere: mirante com vista panorâmica de Montreal
  • Mount Royal Cross: cruz com 30 metros de altura (quase o tamanho do Cristo Redentor)

#DicaPI: no frio, o Mont-Royal promove esportes de inverno, como patinação e snow-tubin. Todo o material de uso fica disponível para aluguel no local!

Funcionamento: diariamente, das 6h à 0h (confira no site os horários específicos das atrações). 

Parc Olympique du Montréal

parque olimpico montreal canada

Parque Olímpico de Montreal | Foto: Passagens Imperdíveis

Sede dos Jogos Olímpicos em 1976, o Parc Olympique Du Montréal é aberto à visitação pública. O passeio custa a partir de C$ 32 (R$ 92,20) e inclui subida ao observatório de 165 metros de altura. No site oficial do parque olímpico há diversas sugestões de tours, assim como as diferentes faixas de preço.

Space for Life

Ainda na área do parque olímpico, mas estruturado de maneira independente, está o Espace Pour la Vie ou Space for Life. O local reúne atrações voltadas para a biodiversidade e a sustentabilidade.

Uma delas é o Biodôme, que recria 4 ecossistemas do mundo: a Floresta Tropical, a Floresta Maple o Golfo de Saint-Laurent e as Regiões Subpolares. É  recomendado para todas as idades, pois a reprodução é perfeita. Mas, atenção: o local está fechado para reforma, com previsão de abertura para junho de 2019.

Também fazem parte do Space for Life:

#DicaPI: há um ônibus que realiza transportes internos gratuitamente durante o verão. Confira as placas no local para utilizá-lo!

Montreal Subterrânea

cidade subterranea montreal canadá

A cidade subterrânea de Montreal é gigantesca | Foto: Passagens Imperdíveis

Ao listar o que fazer em Montreal, você cogitaria explorar uma cidade subterrânea? São cerca de 30 km de extensão, o que o torna um dos maiores complexos subterrâneos do mundo!

Os canadenses criaram a Underground City porque queriam uma alternativa para fugir do frio severo que ataca a cidade entre dezembro e abril. Para se ter ideia, as temperaturas chegam a -15 °C.

Esses túneis e galerias formam um shopping center gigantesco ligado às estações de metrô. Sendo assim, ao utilizar o transporte público, é provável que, em algum momento, se depare com a cidade subterrânea. Mas se quiser ir diretamente a um de seus pontos, siga as placas escrito “RÉSO” ou “La Ville Souterraine”.

Mapa de o que fazer em Montreal

Para que você monte seu roteiro da maneira mais conveniente, mapeamos todas as sugestões de o que fazer em Montreal. Assim, terá uma ideia de qual ordem colocar as atrações!

Passagem aérea barata para Montreal

Você pode aumentar sua lista de o que fazer em Montreal com a diferença economizada na passagem aérea. Isso porque o Passagens Imperdíveis divulga promoções para destinos nacionais e internacionais, incluindo o Canadá.

Siga a gente nas redes sociais (Instagram, Facebook e Twitter) e baixe o aplicativo gratuito. Assim, receberá notificações de passagens aéreas promocionais em tempo real e conseguirá comprá-las antes que acabem!