Home > Dicas de viagem > Passeio no Douro, Portugal: dicas e roteiro de vinícolas

Passeio no Douro, Portugal: dicas e roteiro de vinícolas

São muitas os motivos para fazer um passeio no Douro, em Portugal. Assim, entre eles, histórias tradicionais, sabores únicos e paisagens marcantes. Por isso, trouxemos dicas de transporte, restaurantes e hospedagem e indicações de vinícolas. Assim, você provará o exclusivo vinho do Porto com todo o conforto!

#DicaPI: planeje sua viagem com estas dicas gerais e fatos de Portugal que deve saber antes de embarcar ao país!

Se quiser, vá direto ao tópico de interesse:

Vídeo do Douro

Muitas dicas deste post estão compiladas neste inspirador vídeo publicado em nosso canal do YouTube. Assista!

Entre as vinícolas de Portugal, destacamos a região do Douro, única a produzir o autêntico vinho do Porto. Neste roteiro no Douro, você verá dicas de hotel, restaurante e quintas!

Sobre a Região do Douro

regiao douro portugal

Região do Alto Douro Vinhateiro | Foto: Passagens Imperdíveis

Tombada como Patrimônio da Humanidade pela Unesco, a região do Douro é formada por diversas cidades. Assim, alguns centros urbanos são Peso da Régua, Lamego e Pinhão.

Essa região de vinhedos tem tradição milenar, pois os habitantes cultivam uva e produzem vinho ali há mais de 2 mil anos.

Entre os mais celebrados, o vinho do Porto, cuja produção é exclusiva no mundo, ou seja, nenhum outro lugar no planeta fabrica esse tipo. Tanto que, há séculos, os portugueses demarcaram a área produtora do Alto Douro Vinhateiro e criaram um selo, de modo a garantir a qualidade e exclusividade.

O vinho do Porto se caracteriza pelo elevado teor alcoólico e sabor bem adocicado, o que o diferencia de outros tipos. Assim, boa parte da produção vai envelhecer em galpões da cidade de Vila Nova de Gaia, bem perto de Porto. Assim, você pode visitar uma produtora e degustar vinho lá também!

Outra característica que destaca as vinícolas do Douro é a maneira que – literalmente – construíram os vinhedos. Assim, como o terreno era pouco fértil e muito íngreme, os próprios agricultores o adaptaram de maneira a potencializar o solo, às margens do rio Douro. Para tanto, criaram socalcos, ou seja, trechos elevados apoiados por muros. Dessa maneira, facilita o cultivo e o controle da irrigação.

Esse visual, semelhante a degraus gigantes, lembra, inclusive, as construções no Valle Sagrado dos Incas, no Peru. Tanto no Douro quanto no Peru, formas assim chamam a atenção pela beleza e fascínio que causam. É impossível não se perguntar: “Como será que fizeram isso?”.

Quando ir à região do Douro

O ano inteiro é propício para visita à região, especialmente quem busca degustação de vinhos e experiências gastronômicas. Contudo, as épocas de clima mais ameno e menos chuvosas são na primavera e outono (de maio a outubro).

Como chegar e onde ficar

carro regiao douro

Carro é ideal para chegar ao Douro | Foto: Passagens Imperdíveis

Conforme explicado, a região do Douro se compõe de diversas cidades. Dessa forma, você deverá escolher uma como base para a sua hospedagem. Entre as mais comuns, estão Peso da Régua, Pinhão e Lamego. Considere, também, que há diversos hotéis em vinícolas, portanto um pouco afastados dos centrinhos.

#DicaPI: veja estas 5 opções de hotéis no Douro para diferentes gostos e bolsos!

Sendo assim, vai variar a rota específica para você chegar ao seu ponto de interesse na região do Douro. Nessas horas, o Google Maps ajuda bastante! Outra alternativa é pedir orientações ao seu hotel, caso vá pernoitar por lá.

Mais um detalhe: Douro fica mais perto de Porto do que de Lisboa. Logo, considere partir da cidade portuense, a fim de economizar tempo na estrada.

De toda forma, para você ter ideia, estes são os principais meios para chegar à região do Douro:

  • Carro alugado: a maneira mais cômoda; é possível visitar outras cidades nos arredores de Porto e Lisboa no meio do caminho.
  • Trem (comboio): de junho a outubro, além da convencional, há uma linha histórica ligando, com trem a vapor entre Peso da Régua e Tua, na região do Douro.
  • Passeio com agência: geralmente são passeios bate-volta, podendo variar o meio de transporte (ônibus, van, barco, etc.).
  • Barco: em cruzeiro pelo rio Douro, algumas opções sequer têm desembarque, outras, sim.

#DicaPI: dependendo da sua disponibilidade de tempo, considere comer num destes restaurantes no Douro (opções para lanche, almoço e jantar)!

Como andar na região do Douro

Por experiência própria, podemos afirmar que a maneira mais prática de chegar à região do Douro é de carro alugado. Entretanto, ir dirigindo implica em não beber, por causa do risco e da proibição por lei. Por isso, para andar no Douro, você pode:

  • Eleger um motorista da rodada
  • Andar de táxi entre uma vinícola e outra, deixando o carro no hotel

Você pode, ainda, se hospedar em uma vinícola e ficar por ali mesmo, conhecendo as plantações e degustando o famoso vinho do Porto. Isso tudo sem se preocupar com o volante naquele dia.

Infelizmente, não existem Uber, nem outro aplicativo de transporte na região do Douro. Se houvesse essa possibilidade, facilitaria bastante o roteiro, igual é o caso, por exemplo, das vinícolas de Cape Town, na África do Sul.

#DicaPI: caso esteja com carro alugado, considere visitar outros lugares turísticos em Portugal!

Vinícolas no Douro

Bom, a parte burocrática você já sabe! Então chegou a hora de escolher algumas vinícolas (ou quintas, como chamam em Portugal), para incluir no seu roteiro pelo Douro.

Em todas estas vinícolas, você deve agendar com antecedência. Portanto, analise com calma, entre no site oficial e reserve sua visita, para evitar surpresas desagradáveis.

Quinta do Vallado

quinta vallado douro portugal

Quinta do Vallado | Foto: Passagens Imperdíveis

Uma das mais antigas e populares quintas da região, tem à sua frente a mesma família desde a fundação, há mais de 300 anos. Promove visitações guiadas e degustação de vinhos, além de oferecer um hotel na vinícola.

  • Visitas: todos os dias, às 11h, 12h (pt), 14h45 e 15h45 (pt) – duração média de 1h45
  • Endereço: Quinta do Vallado, Vilarinho dos Freires, Peso da Régua
  • Preço: faixa de € 17 (R$ 73,95)
  • Mais informações: site oficial

#PIInforma: os valores e cotação (R$ 4,35 = € 1) correspondem a junho/2019. Como podem mudar com o tempo, use-os só como referência para a sua viagem.

Quinta da Pacheca

quinta da pacheca douro portugal

Quinta da Pacheca | Foto: Passagens Imperdíveis

Bem popular, essa vinícola com quase 300 anos de existência se diferencia pela oferta de hospedagem em “barris de vinho”. Trata-se de quartos de luxo cujo exterior imita um barril. Outro marco é que foi uma das primeiras da região a engarrafar a bebida com o próprio rótulo.

  • Funcionamento: todos os dias
  • Endereço: rua do Relógio do Sol, 261, Lamego
  • Preço: média de € 15 (R$ 65,25)
  • Mais informações: site oficial

Quinta do Tedo

quinta tedo douro portugal

Quinta do Tedo | Foto: Passagens Imperdíveis

Tem as uvas classificadas como classe “A”, a mais elevada do Instituto dos Vinhos do Douro e Porto. Logo, oferece bebidas de excelente qualidade, mesmo para os paladares mais exigentes.

  • Funcionamento:
    • Abril a outubro: todos os dias, das 10h às 19h
    • Novembro a março: todos os dias, das 9h às 18h
  • Endereço: Quinta do Tedo, Folgosa
  • Preço: informa ao solicitar a reserva
  • Mais informações: site oficial

Quinta Nova

Embora a vinícola tenha mais de 250 anos, os atuais proprietários estão no comando desde 1999. Foi uma das primeiras a oferecer opção de hospedagem na quinta. Por isso, é reconhecida pela receptividade aos visitantes.

  • Visitas: todos os dias, das 10h45, 12h15, 15h30 – de abril a 15 de outubro, também às 17h
  • Endereço: Quinta da Nova, Covas do Douro
  • Preço: informa ao solicitar a reserva
  • Mais informações: site oficial

Quinta do Bonfim

É posse da tradicional família inglesa Symington, que produz vinho do Porto há mais de 100 anos e administra mais de 20 vinícolas em Portugal.

  • Funcionamento:
    • Abril a outubro: todos os dias, das 10h às 19h
    • Novembro a março: ter. a dom., das 9h30 às 17h30
  • Endereço: Quinta do Bonfim, Pinhão, Alijó
  • Preço: a partir de € 17 (R$ 73,95)
  • Mais informações: site oficial

Mapa de vinícolas no Douro

Veja onde ficam as vinícolas citadas neste post, a fim de planejar melhor o seu passeio no Douro!

Passagem barata para Portugal

Cada centavo economizado na passagem pode ser revertido num mimo durante a viagem. Por isso, visando fazer seu dinheiro render mais, compartilhamos promoções de passagens aéreas para destinos nacionais e internacionais, inclusive Portugal. Veja um exemplo:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Passagens Imperdíveis (@passagensimperdiveis) em

Para receber alertas de passagens promocionais como essa, siga o Passagens Imperdíveis nas redes sociais (Instagram, Facebook e Twitter) e baixe o aplicativo gratuito.

Assim, você ficará sabendo de passagens aéreas baratas primeiro e conseguirá aproveitar os descontos antes que acabem!