Home > Dicas de viagem > Viña del Mar e Valparaíso no Chile: o que fazer e como chegar

Viña del Mar e Valparaíso no Chile: o que fazer e como chegar

Viajar para Santiago é uma ótima oportunidade para conhecer Viña del Mar e Valparaíso, pois são vizinhas da capital chilena. Sendo assim, as adicionamos ao nosso roteiro de 3 dias no Chile. Ambas as cidades são bem interessantes e têm coisas legais pra fazer. Por isso, vamos compartilhar com você nossa experiência e trazer diversas dicas. Acompanhe!

#PIInforma: tanto os valores quanto a cotação da moeda correspondem à época da viagem (dezembro de 2017), quando 185 CPL = R$ 1. Divulgamos os preços apenas para você ter noção no seu planejamento, portanto consulte novamente o câmbio e os valores vigentes na época da sua viagem.

Em nosso canal do YouTube, este roteiro por Viña del Mar e Valparaíso estão disponíveis em vídeo. Assista agora!

A viagem teve como intuito visitar as cidades de Buenos Aires (Argentina), Santiago (Chile) e arredores: Valparaíso e Vina Del Mar. Nesse vídeo, você conhecerá Valparaiso e Viña Del Mar: ótimas opções de viagem bate-volta a partir de Santiago!

Como chegar a Viña del Mar e Valparaíso a partir de Santiago

Como Viña del Mar e Valpaíso não têm aeroporto próprio, o mais comum é chegar a partir de Santiago. A distância entre essas cidades e a capital chilena é de 120 km, portanto, a viagem dura, em média, 2h30.

Estas são algumas das possibilidade de transporte para chegar a Viña del Mar e Valparaíso (cuja distância entre si é de só 9 km).

  • Ônibus: saem do Terminal Alameda e da Estação Pajaritos. As passagens custam a partir de 3.000 CLP (R$ 16,21).
  • Agências de turismo: diversas empresas oferecem passeio de um dia. Os valores são quase que tabelados e giram em torno de 30.000 CLP (R$ 162,16).
  • Carro alugado: a vantagem é que você terá total autonomia, no entanto recomendamos toda a atenção para dirigir no exterior.

Escolhido o meio de transporte para Viña del Mar e Valparaíso, anote aí o que fazer nessas duas cidades chilenas.

#DicaPI: saiba como funciona o processo neste guia para alugar carro no Brasil e no exterior!

O que fazer em Valparaíso

É dessas cidades em que simplesmente andar contemplando a paisagem já é um baita programa. Mas para quem deseja fazer mais, também há muito o que fazer Valparaíso!

Região portuária

Cidade de Valparaiso Chile

Tombada pela UNESCO, Valparaíso é bem charmosa

Tombada como Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO, Valparaíso tem o charme das cidades portuárias de antigamente. As casinhas coloridas, originalmente pintadas com sobras de tintas de barcos, chamam atenção e rendem belas fotos. Elas lembram bastante as de Caminito, famoso ponto turístico de Buenos Aires.

Não se assuste com as placas informando sobre tsunami. Isso porque, infelizmente, a cidade sofreu com um terremoto em 2010, que levou a água do mar a invadir a região portuária. Por isso, esse tipo de indicação é necessária para orientar tanto turistas quanto moradores.

Parte alta

Além da praia, mais de 40 morros compõem a paisagem de Valparaíso. Um deles é o Cerro Alegre, cuja subida é possível a pé ou de elevador. Para evitar a fadiga, utilizamos o histórico Ascensor Imperial, elevador que funciona desde 1902. A subida por ele custou 100 CLP (R$ 0,54).

A parte de cima tem todo um charme. Fora a vista deslumbrante no horizonte, vimos de perto diversas casas com revestimento externo de material reaproveitado de contêineres. Uma bela forma dar novo significado ao que ira para o lixo (ou para o fundo do mar).

#DicaPI: Santiago também tem belos cerros (morros) para subir e apreciar a vista. Conheça alguns pontos turísticos da capital chilena!

Arte de rua

Arte de rua grafite Valparaiso Chile

A diversidade de cores e formas encanta em Valparaíso

Ainda encantados com a vista a partir do morro, seguimos nossa caminhada para contemplar mais belezas. Valparaíso recebeu o primeiro Festival Latino-Americano de Grafite. Por isso, os muros, paredes, posts, telhados e calçadas esbanjam desenhos de todas as cores.

Vale muito a pena a experiência de andar sem compromisso, só observando a diversidade das intervenções artísticas da cidade.

La Sebastiana

De volta à região portuária, após descer pelo ascensor, chegamos à La Sebastiana. Esta é uma das casas de Pablo Neruda, um poeta chileno que era simplesmente apaixonado pela região (assim como nós!). Na casa, cuja forma em curvas é encantadora, também funciona um museu dedicado a Neruda.

A visita à Casa Museo La Sebastiana custa 7.000 CLP (R$ 37,83) e os horários variam ao longo do ano.

  • Março a dezembro: terça-feira a domingo, das 10h às 18h.
  • Janeiro e fevereiro: terça-feira a domingo, das 10h às 19h.

Cerro Concepcion

Outro que vale a visita é o Cerro Concepcion, que reúne vários hotéis (ideal para quem decide pernoitar na cidade). Também há diversos bares e restaurantes para relaxar e provar a culinária local, sem contar a vista maravilhosa lá de cima.

Pode-se subir por meio de elevadores, que funcionam das 7h às 22h e custam 100 CLP (R$ 0,54).

O que fazer em Viña del Mar

Vinã del Mar no Chile

É ou não é bela a costa em Vina del Mar?

Como Viña del Mar e Valparaíso ficam uma do ladinho da outra, 20 minutos de ônibus bastam para se deslocar. Por isso, também curtimos as atrações dessa outra bela cidade chilena.

Dunas de Concón

No mirante das Dunas de Concón, uma experiência para os sentidos. Sinta a areia nos pés, foque na paisagem com o mar, as pedras e a cidade, enquanto ouve aquele som tranquilizante que só a água faz.

Não é à toa que, em 1993, as Dunas de Concón foram tombadas como Patrimônio da Natureza pelo governo chileno.

Museo-Fonck

Moai Vinã Del Mar Chile ilha de Pascoa

Moai original direto da Ilha de Páscoa

Sabe aquelas esculturas de rostos em forma retangular que ficam na Ilha de Páscoa? São os Moais, alguns têm mais de 700 anos de existência.

Estamos contando essa história porque há um Moai original exposto em plena Viña del Mar, a mais de 3.500 km da Ilha de Páscoa! A escultura está em frente ao Museo-Fonck, desde a década de 1950, quando os chilenos a trouxeram.

Já o Museo-Fonck foca na arqueologia e história da região, inclusive da Ilha de Páscoa. O horário de funcionamento e o preço variam conforme a data, inclusive com dias gratuitos. Por isso, recomendamos consultar o site oficial do museu.

Castelos em Viña del Mar

Grandes torres cilíndricas de pedra sustentando uma bandeira que balança ao vento. Logo abaixo, as ondas do mar batendo sobre o muro de contenção. Cena de contos de fada? Não! São os castelos em Vinã del Mar encantando os visitantes com sua beleza.

O Castelo Wulff funciona como museu, que recebe exposições temporárias. Portanto, a dica é checar na recepção. Já o Castelo Brunet sedia um restaurante.

Você pode somente observá-los de longe ou, ainda, fazer uma visita. Nós optamos por só contemplá-lo na paisagem, pois voltaríamos para Santiago no mesmo dia.

Como comprar passagem aérea barata para Santiago

Uma das maneiras mais fáceis de visitar Vinã del Mar e Valparaíso é saindo de Santiago. Por isso, recomendamos comprar sua passagem aérea para a capital chilena. Mas como conseguir uma promoção e viajar barato?

No Passagens Imperdíveis, divulgamos promoções de passagens aéreas para destinos nacionais e internacionais, inclusive Santiago.

E é fácil ficar sabendo a tempo e aproveitar os descontos antes que acabem. Siga a gente nas redes sociais (Instagram, Facebook e Twitter) e baixe o aplicativo gratuito. Desse modo, receberá notificações de passagens aéreas promocionais em tempo real.

Para sua viagem ser ainda mais tranquila, siga estas dicas para brasileiros no Chile. Temos certeza de que aproveitará bastante seu passeio!

SalvarSalvar

Comments are closed.