Home > Dicas de viagem > Como usar o metrô de Londres: Underground e o Bilhete Oyster!

Como usar o metrô de Londres: Underground e o Bilhete Oyster!

A melhor forma de se locomover pela capital da Inglaterra é fazendo uso do metrô de Londres: o tão amado e tão famoso Tube. Também conhecido como Underground, foi o primeiro meio de transporte de passageiros sobre trilhos do mundo, construído em 1863. Ao todo, são 408 km de extensão pela capital britânica, o que faz dele uma das mais longas redes de metrô do mundo.

Curiosidades sobre The Tube – o metrô de Londres

Mapa do metrô de Londres | Crédito: site tfl.gov.uk

  • O metrô de Londres conta com 11 linhas.
  • Em média, realiza mais de 1 bilhão de viagens por ano.
  • Cerca de 2,7 milhões de viagens por dia.
  • E transporta algo próximo a 1,37 bilhão de passageiros por ano.
  • Possui 408 quilômetros de extensão.
  • 188 elevadores.
  • 287 estações.
  • 440 escadas rolantes.
  • O Underground – metrô de Londres – funciona em velocidade média de 33 quilômetros por hora, incluindo as paradas.
  • Três bebês já nasceram no Tube – o metrô de Londres, o último deles em 2009 – um menino.
  • O consumo de bebida alcoólica no metrô londrino foi proibido em junho de 2008.
  • Fumar, no entanto, já havia sido proibido em 1987.
  • A frase Mind the Gap (ou cuidado com o vão) surgiu em 1968.
  • E o cartão Oyster foi criado em 2003.
  • Bateu aquele calor? A temperatura no Underground é, em média, 10ºC mais quente que na superfície.
  • Apenas 45% do Tube está, de fato, underground, ou debaixo da terra.
  • O metrô de Londres emprega cerca de 19 mil pessoas.
  • A estação mais movimentada é a Waterloo (transporta cerca de 100 milhões de passageiros por ano).
  • O túnel contínuo mais longo tem 27,8 km, entre East Fincheley até Morden (por Bank).
  • A viagem direta mais longa é entre Epping para West Ruislip, com 54,9 km.
  • The Tube foi cenário para o filme 007: Operação Skyfall (James Bond, sabe?).
  • E também para o longa Invasão à Londres.
  • A vida selvagem no Underground inclui gaviões, morcegos e cobras. Sempre bem escondidos, claro.
  • Estima-se que cerca de meio milhão de ratos vivam no sistema de metrô londrino.
  • O metrô funciona 24h durante o Ano Novo, em datas especiais, e em linhas selecionadas, aos finais de semana.

Sobre o Oyster

O Oyster é um cartão magnético recarregável utilizado como forma de pagamento para os meios de transporte público londrinos. Ele funciona não só no metrô de Londres, mas também em ônibus, trem, DLR (Docklands Light Railway), Overground, TfL Rail, River Bus, e até mesmo para o Emirates Air Line (o teleférico).

Cartão Oyster

Cartão Oyester é usado para entrar no Underground

É obrigatório comprar o Oyster?

Não! Mas, o bilhete único, individual, raramente é vantajoso. Os valores das tarifas no Oyster são mais baixos. E o cartão simplifica o pagamento das viagens. O bilhete individual custa a partir de ‎£ 6,80 (R$ 34,20) para o Tube – o metrô de Londres, por exemplo.

Você sabia? O Oyster é um cartão pré-pago inteligente, já que o sistema calcula automaticamente o valor de cada viagem. Isso acontece porque o meio de transporte, a zona, assim como os horários, têm preços diferentes. Além disso, há um limite diário para a cobrança no seu pré-pago – chamado de teto de viagem. Quando o passageiro paga com o Oyster e atinge o teto para uma zona ou meio de transporte, não paga nada mais naquele dia.

Onde compro o meu Oyster?

O cartão pode ser adquirido em máquinas, tanto nas estações de metrô de Londres quanto no London Overground e na estações do TfL Rail. Na cidade também existem algumas Oyster Ticket Stops (lojinhas Oyster). E você pode recarregar o seu cartão no Underground ou mesmo em bancas de jornal. Os Visitor Centres (centros de visitantes) também vendem o Oyster e te aconselham quanto a melhor opção para a sua viagem #ficaadica.

O símbolo do Underground

O símbolo do Underground, o metrô de Londres, é conhecido no mundo todo

Atenção! Há um Visitor Centre no aeroporto Heathrow, nos terminais 2 e 3 – logo na estação do metrô.

Quanto custa o Oyster?

O cartão recarregável custa ‎£ 5 (R$ 25,15), reembolsáveis, além do valor a ser depositado para as viagens ou para a compra do pacote que você escolher – no caso de Travelcard. O pagamento pode ser realizado em dinheiro, cartão de crédito ou débito. Ou seja, carregue o seu cartão com o valor que você deseja usar, além das ‎£ 5 de depósito pelo Oyster.

#DicaPI: Londres é o destino escolhido por muitos para intercâmbios de férias. Confira aqui como planejar o seu e viver uma experiência incrível! Se você caiu aqui por acaso, saiba que “Terra da Rainha” pode estar te chamando.

Mapa do Overground de Londres | Crédito: site tfl.gov.uk

Quanto colocar no Oyster?

Quantos dias você vai ficar em Londres? Tudo depende dessa resposta. É importante, ainda, que você faça uma estimativa de como pretende se locomover por Londres ou até onde quer ir. Mas não se preocupe. O Oyster é facilmente recarregável. Caso você perceba que utilizou quase todo o valor que depositou inicialmente, vá até uma das máquinas e coloque algumas libras a mais.

Grande parte das atrações de Londres estão localizadas entre as zonas 1-2 do metrô. Locomover-se por elas, seja de metrô, seja ônibus, tem um custo diário de £ 6,60 (R$ 33,20) – para usar por quantas vezes precisar. Caso você vá visitar algo na zona 3, o valor será £ 7,70 (R$ 38,70). Multiplique, então, pelo número de dias que pretende ficar.

#DicaPI: se você vai ficar mais do que 5 dias em Londres, o indicado é adquirir o 7 Day Travelcard, por £ 34,10 (R$ 171,50) – para as zonas 1-2.

De metrô, desde o aeroporto de Heathrow?

Se você já quer sair do aeroporto de Heathrow com o seu Oyster carregado, não se esqueça de calcular o valor que será utilizado na viagem. Lembrando que o aeroporto está localizado na zona 6.

Preços diferentes por horário?

Nos horários de pico (peak), as tarifas custam mais caro que fora do horário de pico (off peak). Confira os preços para se locomover pelas zonas, de metrô, DLR e Overground:

  • Zona 1:  £ 6,80 – R$ 34,20 (teto diário).
  • Zona 1-2:  £ 6,80 – R$ 34,20 (teto diário).
  • Zona 1-3:  £ 8,00 – R$ 40,20 (teto diário).
  • Zona 1-4:  £ 9,80 – R$ 49,30 (teto diário).
  • Zona 1-5:  £ 11,60 – R$ 58,35 (teto diário).
  • Zona 1-6:  £ 12,50 – R$ 62,90 (teto diário).
  • Zona 1-7:  £ 13,50 – R$ 67,90 (teto diário).
  • Zona 1-8:  £ 16,10 – R$ 81 (teto diário).
  • Zona 1-9:  £ 17,80 – R$ 93,10 (teto diário).

Ônibus e Tram com Oyster?

£ 1,50 (R$ 7,55) por uma viagem ou teto diário de £ 4,50 (R$ 22,60).

Quais são os horários de pico?

Segunda a sexta-feira, exceto feriados, das 6h30 às 9h30 e das 16h às 19h.

Como consulto meu saldo?

Nos guichês ou máquinas de qualquer estação de metrô de Londres (no leitor amarelo).

O que é o Travelcard? Vale a pena?

Existem passes especiais pensados para os turistas, com durações de 1, 7 ou 30 dias. Os valores variam de acordo com a zona de abrangência. O uso é individual. Confira algumas opções:

  • 1 dia – zonas 1 e 2: £ 12,70 – R$ 63,90.
  • 7 dias – zonas 1 e 2: £ 34,10 – R$ 171,50.
  • 7 dias – zonas 1-3: £ 40 – R$ 201,20.
  • 7 dias – zonas 1-6: £ 62,30 – R$ 313,14.
  • 7 dias – zonas 1-9: £ 88,70 – R$ 446,20.
  • 30 dias – zonas 1-2: £ 131 – R$ 658,90.

Aqui é possível conferir os valores cobrados em 2018 para os transportes de metrô de Londres, DLR, Overgound e TfL e suas peculiaridades, com o Oyster. Crianças de até 4 anos não pagam e crianças entre 5 e 10 anos têm um desconto, ok?! No mais, o Travelcard pode ser comprado da mesma maneira que o seu Oyster Card.

Ao fim da viagem, o que faço com meu Oyster?

O seu cartão pode ser devolvido em máquinas automáticas que tenham a opção Refund! Você recebe de volta as ‎£ 5 que pagou pelo Oyster, além do saldo não consumido.

Para as máquinas, há um limite de até £ 10 de crédito para o reembolso, que é feito em moedas. Basta selecionar a opção OysterCard Refunds. Se sobrou mais do que £ 10, solicite a devolução do valor em uma bilheteria. 

Pretende visitar Londres novamente? O cartão não tem data de validade.

Sobre o Visitor Oyster Card?

O Visitor Oyster Card é também um cartão pré-pago recarregável, com o qual você paga por suas viagens de ônibus, metrô, DLR, Overground, Tfl Rail, entre outros serviços ferroviários de Londres, e também ganha descontos.

Ele não pode ser comprado em Londres: deve ser adquirido com antecedência e é enviado para a sua casa. O pedido pode ser feito aqui.

E qual a vantagem do Visitor Oyster Card? Alguns descontos em lojas, restaurantes e pontos de entretenimento, além de descontos em algumas formas de transporte. A desvantagem? Você precisa pagar pelas despesas de envio.

Simulação de trajeto pelo Google Maps

Para saber como se locomover pelos meios de transporte londrinos, use o Google Maps e siga as indicações: aqui, a rota para sair da London Eye e ir até Stonehenge

Como se locomover no Tube

No Underground – o metrô de Londres, todas as direções são muito bem sinalizadas. De toda forma, indicamos o Google Maps para te auxiliar a chegar aos seus destinos. O aplicativo te diz exatamente qual a linha pegar, em qual estação descer e quanto tempo caminhar. Confira como utilizar o Google Maps nas suas viagens

As estações do Tube são especialmente charmosas! Algumas delas ainda mantêm o estilo art-deco dos anos de 1930. Outras têm grande valor histórico. Vale conhecer: Westminster, Southwark, West Brompton, Baker Street, Cockfosters, Paddington, Gloucester Road, Notting Hill Gate, Canary Wharf, Gloucester Road, Leytonstone, Canada Water, além da Great Portland Street.

#DicaPI: planejando conhecer Londres com a família e crianças? Veja estas dicas para viajar com os pequeninos!

Já sabe tudo sobre o Underground – o metrô de Londres? Então, viaje pela Terra da Rainha!

Londres é a terra da Rainha e uma cidade muito gostosa de se conhecer. Para ficar por dentro de tudo que você precisa saber para sua viagem a cidade, leia os outros conteúdos aqui do site:

Vamos viajar?

Quer encontrar aquela passagem com preço incrível? É só seguir a gente no Instagram (@passagensimperdiveis). Compartilhamos, diariamente, oportunidades imperdíveis de voos para o Brasil e exterior. Para acompanhar as promos em tempo real, baixe o nosso aplicativo gratuito (Android, iOS e Windows Phone) e, para ver dicas de viagens, inscreva-se no nosso canal do YouTube.

Até mais!

SalvarSalvar