Home > Dicas de viagem > Visto americano: passo a passo de como tirar o seu!

Visto americano: passo a passo de como tirar o seu!

Se você planeja viajar para os Estados Unidos, já deve saber que é necessário ter o visto americano, para entrar no país. O processo, todo feito no Brasil, é uma etapa bastante temida por muita gente. Mas podemos atestar: não há nada a temer. Sendo assim, vamos esclarecer suas dúvidas sobre o assunto. Let’s go! 

Como tirar visto americano: tudo o que você precisa saber!

Contrário ao que muitos imaginam, o processo para tirar o visto americano não é complicado. E, na verdade, o trâmite é relativamente simples.

O segredo é ter muito cuidado ao preencher os formulários, conferir as informações fornecidas e ao reunir os documentos exigidos. Por fim, manter a tranquilidade quando comparecer às entrevistas nas datas agendadas pelo Consulado Americano.

Mas atenção: o processo deve ser iniciado com antecedência à sua viagem. Isso porque o agendamento para a entrevista pode ser um pouco demorado, devido à alta demanda.

Também vale lembrar que estas dicas focam em tirar visto americano de turismo, ou seja, de não imigrante.

Essa opção é conhecida como “B1/B2”. Além de turismo, autoriza permanecer no país como estudante ou entrar nos EUA por motivos de negócios.

Nesse caso, a validade do visto americano vai depender do agente consular, podendo chegar a 10 anos. Porém, é importante lembrar que o tempo de validade do visto não é o tempo que você pode permanecer ininterruptamente nos EUA.

#DicaPI: como ainda está na fase de planejamento, saiba o que é seguro viagem a importância dele.

Passo a passo para tirar seu visto americano

Listamos as etapas pelas quais você deve passar para obter seu visto americano. Acompanhe e veja como é simples!

Tenha um passaporte válido

Este é o primeiro passo para conseguir o visto americano: ter um passaporte válido.

O brasileiro é emitido pela Polícia Federal. Logo, se você ainda não tem o seu, deverá emiti-lo. A boa notícia é que esse processo é mais fácil do que imagina, portanto essa etapa passará rapidamente. Siga este guia para tirar passaporte brasileiro em 7 passos rápidos.

#DicaPI: alguns cidadãos brasileiros têm direito a emitir passaporte europeu, documento que isenta a necessidade de visto americano.

Preencha o Formulário DS 160

Com o passaporte em mãos, é hora de preencher o formulário DS 160disponível no site do Departamento de Estado dos EUA.

As perguntas são em inglês, mas no site você tem a opção de traduzi-las para o português. Para isso, é só passar o cursor do mouse sobre o trecho que você gostaria que aparecesse na nossa língua. Veja a simulação do tradutor.

No formulário DS 160, você deve preencher informações básicas e pessoais, como o nome completo, data de nascimento, endereço de residência, formação profissional, estado civil.

Além disso, será necessário responder a perguntas específicas sobre a viagem. Sendo assim, mesmo que ainda não tenha comprado a passagem aérea, você deve informar para onde quer ir, o que pretende fazer, etc.

Sobre isso, ressaltamos que é muito importante responder de maneira transparente e sincera. Afinal, esse formulário é o documento utilizado pelos funcionários consulares para determinar a elegibilidade do solicitante no dia da entrevista. Portanto, não tente esconder nada!

Pague a taxa de solicitação do visto americano

Para vistos de não imigrantes (B1/B2, C1/D, F, M, J, I, TN, TD), a taxa de solicitação (MRV) é de US$ 160. Aqui, uma dica extra: verifique a taxa de câmbio do dólar do dia para calcular certinho o equivalente em real.

O pagamento pode ser realizado com cartão de crédito internacional pelo próprio site ou boleto bancário (pagável no seu banco!). Essa é a única taxa formal que você vai pagar para solicitar o visto americano. Outros gastos podem ocorrer com transporte, pode exemplo.

#DicaPI: quer chegar aos Estados Unidos com toda a documentação a que tem direito? Solicite a sua Permissão Internacional para Dirigir!

Agende sua entrevista no CASV e no Consulado Americano

Preencheu o formulário e pagou a taxa de solicitação? Ótimo. Agora vá ao site da Embaixada Americana no Brasil e solicite a entrevista no Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV) e no Consulado Americano. Sim, serão duas etapas presenciais!

Para se cadastrar no site, você deve inserir o número de confirmação do DS-160. Também é necessário completar o processo de retorno dos documentos pelo serviço postal.

Faça a entrevista no CASV

A sua primeira entrevista vai ser no Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV). Nesse local, você vai fornecer sua impressão digital, foto, entre outros dados. Esta é a documentação para levar ao CASV:

  • Passaporte, que deve ser válido por pelo menos 6 meses (a partir da data de retorno)
  • Página de confirmação do formulário DS-160 impressa
  • Página de confirmação e instruções do agendamento impressa
  • Crianças ou maiores de 65 anos devem levar uma foto 5 x 5 ou 5 x 7 colorida, tirada nos últimos 6 meses e com fundo branco. Os demais não precisam levar a foto, porque será tirada no local.

Atenção! Na entrevista no CASV, não leve celular, relógio e aparelhos eletrônicos, pois é proibida a entrada desses objetos.

No Brasil, o CASV só tem sedes em Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro e São Paulo. Portanto, se não residir nessas cidades, atente-se à data agendada e se programe para viajar até o local indicado.

#DicaPI: sabe o que você pode fazer nos Estados Unidos? Uma roadtrip dos sonhos do estado da Califórnia a Las Vegas!

Faça a entrevista no Consulado Americano no Brasil

Em todo o processo de solicitação do visto para os EUA, a entrevista no Consulado Americano é a mais temida. Mas não há nada a temer. Mantenha a calma e fale a verdade, confirmando todos os dados que você mesmo preencheu no formulário.

Todos os visitantes da Seção Consular são examinados pelo pessoal da segurança antes da entrada. Por isso, novamente, evite levar celular e eletrônicos para não ter problemas.

No dia dessa entrevista, você leve os documentos que comprovem as informações preenchidas no formulário DS 160. Isso inclui evidências do seu propósito de viagem, suas habilidades de bancá-la (comprovantes bancários e contratos de trabalho) e laços familiares ou de negócios no Brasil. A ideia é mostrar que você não tem intenção de permanecer ilegalmente nos EUA.

Além disso, deve levar o formulário DS 160, passaporte, comprovante de residência, etc. Veja a lista completa de documentos necessários para entrevista de obtenção do visto americano.

#DicaPI: enquanto aguarda da sua entrevista, que tal conferir este roteiro de 5 dias em Nova York para se inspirar?

Receba seu visto americano!

Após realizar todos os passos, é muito provável que você seja aprovado sem ressalvas. Agora espere seu passaporte com o visto americano em casa ou no CASV (depende da opção escolhida nos formulários). Geralmente, depois da entrevista, o visto fica pronto em 10 dias úteis.

O governo americano disponibiliza várias centrais telefônicas para tirar dúvidas e oferecer serviços aos solicitantes. Esta é a lista completa:

  • Belo Horizonte: (31) 3956 0800
  • Recife: (81) 4042 0050
  • Brasília: (61) 3550 0774
  • Rio de Janeiro: (21) 4042 0584
  • Rio de Janeiro: (21) 3956 0580
  • Campinas: (19) 3500 2486
  • Salvador: (71) 3500 1637
  • Curitiba: (41) 3908 8125
  • Santos: (13) 3500 6208
  • Porto Alegre: (51) 3500 1460
  • São Paulo: (11) 3230 2170
  • São Paulo: (11) 3958 7007

Vamos embarcar para os EUA?

Com seu visto em mãos, viajar para os Estados Unidos ficou mais fácil, pois a parte burocrática está resolvida. Quanto ao planejamento da sua viagem, você também tem todo o amparo, afinal disponibilizamos dicas e roteiros para diversos destinos americanos.

Aproveite, também, para monitorar promoções de passagens aéreas para os EUA. O Passagens Imperdíveis divulga descontos para destinos nacionais e internacionais, inclusive Estados Unidos. Para acompanhar, siga a gente nas redes sociais (Instagram, Facebook e Twitter) e baixe o aplicativo gratuito.

Assim, receberá notificações de passagens aéreas promocionais em tempo real. Melhor que visitar os Estados Unidos, é economizar na passagem, de modo que  sobre mais para seu roteiro!