Home > Dicas de viagem > Cidade do Porto: Um belo e histórico destino ao norte de Portugal.

Cidade do Porto: Um belo e histórico destino ao norte de Portugal.

por Raquel e Luciano do @blogviagemadois – As margens do rio Douro, surge à vista uma cidadezinha magnífica e cheia de histórias. A cidade do Porto, que deu origem ao nome do país, Portugal, tem ganhado cada vez mais destaque internacional. Mas não tem como ser diferente, né? A cidade é linda e sua história está por todos os lados.

Vocês acompanharam nosso percurso por Portugal através do InstaStories do Passagens Imperdíveis, agora preparamos um guia especial para você, que sonha em conhecer a cidade do Porto! Vem com a gente?

 

Como chegar à Cidade do Porto

O jeito mais rápido para chegar no Porto é através de um dos vôos que partem direto do Brasil (Rio de Janeiro e São Paulo) pela companhia TAP. A partir de outras cidades brasileiras, há diversas opções de voos com outras companhias com apenas uma escala.

Se não conseguir ir direto, é muito simples chegar até lá de trem, ônibus ou carro a partir de Lisboa ou Madri.

avenida-dos-aliados-cidade-do-porto.

Avenida dos Aliados, Porto.

 

Clima e Temperatura

Portugal é um dos países mais quentes da Europa. Isso quer dizer que, mesmo no inverno, as temperaturas dificilmente chegam no negativo. Nevar é algo raríssimo e acontece mais nas regiões de serra. No inverno (de dezembro a março) as temperaturas giram em torno de 8 a 10 graus. O Porto, por ficar no norte do país, tem um clima um pouco mais frio.

Durante a primavera o clima é mais ameno e já começa a esquentar. Se você não gosta de muito frio ou muito calor, os meses de maio e setembro podem ser uma boa opção.

O verão, especialmente em julho e agosto, é bem quente, embora não se compare ao verão carioca. Além disso, há o agravante de ser alta temporada, então, além do calor, você poderá enfrentar filas e ter que pagar mais pela hospedagem e passagem.

No outono volta a esfriar e, em novembro, já está frio de novo.

 

Onde se hospedar

São duas as principais regiões do Porto onde há maior concentração de hotéis: o centro e o cais da Ribeira.

As duas regiões ficam perto das principais atrações e possuem fácil acesso ao metrô. O cais da Ribeira é onde ficam os hotéis mais caros, pois a maioria possui vista para o rio Douro. Já no centro há preços mais amigáveis.

Para pesquisar opções de hotéis no centro, clique aqui.

Para pesquisar opções de hotéis no Cais da Ribeira, clique aqui.

cais-da-ribeira-porto-portugal.

Cais da Ribeira, Porto.

 

Como se locomover na cidade

O metrô da cidade é ótimo e leva para praticamente todos os lugares. Inclusive é uma das formas mais baratas de você sair do aeroporto. O bilhete unitário custa a partir de 1,20 euro (varia conforme a distância percorrida), mas se for sua primeira vez no transporte público local, será preciso adquirir o cartão onde você “coloca” suas passagens, o Andante.

Há ainda a opção de andar de táxi ou de Uber. As distâncias não costumam ser grandes e, por isso, pode ser uma boa opção.

Agora, se você deseja alugar um carro, clique aqui.

 

As principais atrações de Porto

Tour em uma cave de vinho do Porto

Porto é muito conhecido pelo vinho que leva o nome da cidade. Não deixe de visitar uma cave. O passeio custa em média 12 euros por pessoa. Além de conhecer um pouco mais sobre a produção você também pode degustar três vinhos.

Ponte Dom Luís

Construída no final do séc. XIX, é um dos principais símbolos da cidade. Da sua parte superior é possível ter uma linda vista das cidades de Gaia e Porto, além do próprio Rio Douro.

Cais da Ribeira

Um dos locais mais antigos da cidade. Dali partem passeios de barco pelo Rio Douro. Também há diversos restaurantes e hotéis. É uma área bastante movimentada.

Passeio das Seis Pontes

Um tour de barco pelo rio Douro onde você passa por baixo de seis pontes que ligam a cidade de Gaia ao Porto. O preço médio é de 10 euros por pessoa e o passeio tem duração de 50 minutos.

Muralha Fernandina

Ruínas da muralha romana que havia na cidade do Porto no século XIV.

Palácio da Bolsa

Sede da Associação Comercial do Porto, o prédio foi projetado em 1842. O ápice do passeio fica por conta do Salão Árabe. As visitas, guiadas, custam 8,50 euros por pessoa.

Igreja de São Francisco

Uma construção do século XIV em estilo gótico com muito ouro. O ingresso para visitação custa 5 euros e dá acesso à Igreja, Museu e Catacumba.

Catedral da Sé do Porto

É uma das poucas construções em estilo românico ainda presente no país. Datada dos séculos XII/XIII mas já passou por restaurações e acréscimos ao longo do tempo, possuindo também traços góticos. A entrada na Igreja é grátis mas para visitar o claustro é preciso pagar 3 euros.

Estação São Bento

É uma estação de trem, mas vale a visita por conta dos painéis de azulejos que ilustram a evolução dos transportes.

Livraria Lello

A Livraria Lello é uma das livrarias mais bonitas do país. A fama veio por conta de J. K. Rowling, autora da série Harry Potter. A escada da livraria serviu de inspiração para o filme. O ingresso custa 4 euros, mas o valor é transformado em desconto caso você compre algum livro.

Torre dos Clérigos

É uma construção do século XVIII, no estilo barroco, com 75 metros de altura. São 225 degraus para chegar no topo. O bilhete para subir custa 4 euros (para visita diurna) ou 5 euros (visita noturna). Vale muito a pena por ser uma das vistas mais bonitas da cidade.

 

É um destino bom para as crianças?

O Porto, como a maioria das cidades europeias, tem nas Igrejas e museus suas principais atrações, mas as crianças também têm seu espaço.

Existem vários parques na cidade onde as crianças podem se divertir muito. Além disso, há opções de programas mais focados nos miúdos (como as crianças são chamadas em Portugal):

Só preste atenção pois há bastante ladeira na cidade e algumas ruas de pedras. Os carrinhos de bebê mais simples podem não aguentar o tranco.

 

A Culinária de Porto

A comida no Porto, assim como no país todo, é muito saborosa. Como todo brasileiro que vai a Portugal, não deixe de comer um bom bacalhau e, claro, a famosa francesinha.

A francesinha é um dos pratos típicos do Porto e consiste em um sanduíche de bife de vaca, presunto, linguiça, salsicha e mortadela, coberto por um ovo frito, queijo. Por cima disso tudo vai um molho picante. Normalmente é servida com batatas fritas. Uma delícia!

Francesinha porto. Comida típica da Cidade do Porto

Francesinha, prato típico da Cidade do Porto.

Outro prato bem local é a tripa à moda do Porto. Ainda não tivemos coragem de prová-lo mas, como o nome sugere, é intestino de boi cozido com diversos tipos de carne, enchidos e feijão branco.

Ah, e não vamos esquecer dos doces! Esses fazem sucesso em qualquer padaria. Não deixe de experimentar um pastel de nata, um pastel de tentúgal e as queijadas. Antes de pedir um doce, sempre pergunte qual é a especialidade daquela pastelaria (provavelmente será um delicioso doce à base de muitos ovos).

Algumas sugestões de restaurantes na Cidade do Porto

Café Santiago

Considerando uma das melhores francesinhas da cidade, sempre tem fila na porta. Se não quiser esperar muito, tente chegar cedo. A francesinha custa, em média, 11 euros.

Site: caferestaurantesantiago.com.pt
Endereço: Rua de Passos Manuel, 226.

LSD (Largo São Domingos)

Fica na praça de mesmo nome, tem uma pegada mais gourmet. Adoramos o prato “Carne, Carne, Carne”. Recomendamos que faça reserva, especialmente se estiver na alta temporada.

Facebook: @largodesaodomingos
Endereço: Largo São Domingos, 78.

Honorato

Se estiver com saudade do hambúrguer, visite o restaurante desta rede portuguesa. São deliciosos! Nós gostamos com o centro ainda vermelho. Se você não gosta assim, não esqueça de pedir bem passado.

Site: honorato.pt
Endereço: Rua Cândido dos Reis, 12.

 

Quanto tempo ficar

Para conhecer as principais atrações acreditamos que dois ou três dias são suficientes. A cidade não é muito grande e as principais atrações ficam próximas umas das outras.

Mas se você quiser conhecer a Cidade do Porto com calma e curtir a cidade, recomendamos separar pelo menos quatro dias.

 

Quanto dinheiro levar

Essa questão é a mais difícil de responder. Cada um tem uma prioridade e a minha pode ser mais cara que a sua, não é? Mas nós costumamos nos virar bem com cerca de 50 euros por dia, por pessoa. Isso inclui refeições, transporte e entrada em algumas atrações.

 

Dicas úteis

Para visitar Portugal não é necessário visto. Os documentos obrigatórios são passaporte (com validade mínima de seis meses) e um seguro de viagem no valor mínimo de cobertura de 30 mil euros, segundo determinação do Tratado de Schengen, assim fica garantido o socorro médico para o caso de emergências ou urgências.

É recomendável você ter todas as suas reservas impressas para mostrar na imigração, além da passagem de volta.

A moeda oficial é o Euro. Você acha facilmente a moeda para comprar em qualquer casa de câmbio no Brasil.

Os cartões de débito e crédito internacionais são aceitos na maior parte do estabelecimentos, mas não em todos. Esteja preparado para pagar algumas atrações ou restaurantes em dinheiro.

A cidade do Porto possui muitas ladeiras e subidas. Além disso, em muitos lugares as calçadas são de pedra. Recomendamos que você use sempre sapatos confortáveis e, em caso de chuva, tome muito cuidado para não escorregar.

Agora nós é que queremos saber de você!

Conta pra gente, aqui nos comentários, porque você deseja conhecer o Porto! E se já conhece, fale da sua experiência e outras dicas! Compartilhe o post em suas redes sociais também! Vai que você tem um amigo planejando uma viagem por lá?

Aproveite e acompanhe o PI. Além das ótimas dicas de viagens nós estamos sempre em busca dos melhores preços de passagens aéreas para todos os destinos do mundo.